As tendências mais quentes em reforma e construção que você precisa conhecer

Tempo de leitura: 8 min

Escrito por lucas
em Maio 29, 2023

As tendências mais quentes em reforma e construção que você precisa conhecer

Para conduzir uma boa obra, é importante ficar por dentro das tendências mais quentes do momento.

Com o avanço da tecnologia, novas ideias e materiais estão surgindo constantemente, proporcionando opções modernas e funcionais para transformar seu espaço. 

Neste artigo, vamos explorar as tendências mais recentes em reforma e construção, para que você possa se inspirar e criar um ambiente que seja ao mesmo tempo atual e personalizado.

As tendências de materiais sustentáveis

Os materiais sustentáveis estão cada vez mais presentes nas reformas e construções atuais. Além de contribuírem para a preservação do meio ambiente, esses materiais também oferecem durabilidade e estilo aos projetos. 

Aqui estão algumas opções de materiais sustentáveis que você pode considerar para sua próxima reforma ou construção:

  • Madeira de reflorestamento: proveniente de áreas certificadas e renováveis;
  • Tintas ecológicas: com baixo teor de compostos orgânicos voláteis (COVs);
  • Pisos vinílicos reciclados: produzidos a partir de materiais reaproveitados;
  • Telhas solares: geram energia e reduzem o consumo de eletricidade;
  • Lâmpadas de LED: economizam energia e possuem longa vida útil;
  • Isolamento térmico feito com materiais reciclados, como lã de PET.

Esses materiais sustentáveis são apenas algumas opções disponíveis no mercado, mas há uma ampla gama de escolhas para atender às necessidades de cada projeto. 

Ao optar por materiais sustentáveis, você não apenas estará contribuindo para um ambiente mais ecológico, mas também estará criando um espaço moderno e consciente. 

Lembre-se de pesquisar e comparar preços, como por exemplo a chapa inox 304 preço, para fazer uma escolha que se encaixe no seu orçamento e nas suas preferências estéticas.

Automação residencial

Com o avanço da tecnologia, é possível controlar diversos aspectos da casa de forma inteligente e conveniente. 

Através de sistemas automatizados, pode-se controlar a iluminação, temperatura, segurança e muito mais. Um exemplo é a integração de um queimador a óleo com o sistema de controle da casa. 

Com esse sistema, o morador pode programar a temperatura desejada em cada ambiente e controlar o funcionamento do queimador de forma remota, além de monitorar o consumo de energia e otimizar o uso do queimador para garantir um ambiente confortável e econômico. 

A automação residencial oferece praticidade, conforto e eficiência energética, tornando a sua casa mais inteligente e funcional.

Eficiência energética

A eficiência energética tem se tornado uma preocupação crescente nas reformas e construções, tanto do ponto de vista sustentável quanto econômico. Investir em medidas que reduzem o consumo de energia pode trazer benefícios significativos a longo prazo. 

Uma das áreas em que é possível melhorar a eficiência energética é na escolha dos fornecedores e profissionais que trabalharão na obra. É importante garantir que todos estejam alinhados com o propósito de realizar uma obra eficiente e de baixo consumo.

Optar por uma empresa de pintura industrial com selo de sustentabilidade, por exemplo, pode ser o caminho ideal. Além disso, é aconselhado considerar a cor das tintas utilizadas. 

Cores claras refletem mais luz solar e podem ajudar a manter os ambientes mais frescos, diminuindo a demanda por ar condicionado. 

Outra medida eficiente é a instalação de sistemas de iluminação LED, que consomem menos energia em comparação com as lâmpadas tradicionais. 

Além disso, é possível incorporar o uso de painéis solares para geração de energia limpa e renovável. Ao investir em eficiência energética em sua obra você estará reduzindo o impacto ambiental e economizando nos custos de energia a longo prazo.

Arquitetura tropical e suas tendências

A arquitetura tropical tem conquistado cada vez mais adeptos, especialmente em regiões com clima quente e úmido. Esse estilo arquitetônico busca integrar o ambiente interno e externo, aproveitando ao máximo os recursos naturais disponíveis. 

Um elemento fundamental na arquitetura tropical é a impermeabilização com argamassa polimérica. Esse tipo de revestimento oferece uma proteção eficiente contra a umidade e é altamente resistente aos efeitos do clima tropical, como chuvas intensas e alta umidade. 

Além disso, a impermeabilização também contribui para a durabilidade das estruturas, evitando problemas como infiltrações e danos causados pela umidade. 

Ao utilizar esse tipo de revestimento, é possível criar ambientes mais confortáveis, seguros e livres de problemas relacionados à umidade. 

Outra característica da arquitetura tropical é o uso de materiais naturais e sustentáveis, como madeira, palha e bambu, que se integram harmoniosamente com o ambiente ao redor. 

Também é comum encontrar grandes aberturas, como portas e janelas amplas, que proporcionam ventilação cruzada e permitem a entrada de luz natural. 

Arquitetura mediterrânea

A arquitetura mediterrânea é conhecida por seu charme rústico e influências das regiões costeiras do Mar Mediterrâneo. Destaca-se por suas características distintas, como paredes caiadas, telhados de terracota, arcos, colunas e elementos decorativos em relevo. 

Além disso, a arquitetura mediterrânea também prioriza a resistência e durabilidade das construções, especialmente em áreas propensas a condições climáticas adversas, com chuvas fortes que podem danificar uma resistencia aletada, por exemplo. 

Arquitetura escandinava

A arquitetura escandinava é conhecida por seu design minimalista, funcionalidade e conexão com a natureza. Esse estilo arquitetônico originário dos países nórdicos valoriza a simplicidade, a luminosidade e a integração com o ambiente externo. 

As características principais da arquitetura escandinava incluem linhas retas, espaços abertos e o uso de materiais naturais, como madeira e pedra. 

Um elemento comum na arquitetura escandinava é o uso de grandes janelas que proporcionam uma abundância de luz natural, permitindo que os interiores sejam iluminados mesmo durante os longos e escuros invernos. 

Outra característica marcante é a presença de espaços abertos e amplos, com ambientes integrados que favorecem a convivência e a sensação de amplitude. 

Além disso, a utilização de isolamento térmico eficiente e sistemas de aquecimento sustentáveis, como o aproveitamento de energia solar, são práticas comuns na arquitetura escandinava. 

Ao considerar a arquitetura escandinava em seu projeto ou reforma, busque por materiais naturais, formas simples e funcionais, e priorize a entrada de luz natural e a eficiência energética. 

Esses elementos irão contribuir para criar um ambiente acolhedor, sustentável e conectado com a natureza.

Integração de ambientes e suas tendências

A integração de ambientes é uma tendências forte na arquitetura e na decoração atual. Esse conceito visa criar espaços fluidos e conectados, onde diferentes áreas da casa se comunicam de forma harmoniosa. 

Uma maneira de promover essa integração é através da eliminação de barreiras físicas, como paredes, e a adoção de soluções que permitam a abertura e o fechamento de espaços conforme a necessidade. 

Para auxiliar nessa integração, pode-se fazer o uso de puxador de zíper em portas e divisórias. Esses puxadores, além de funcionais, trazem um toque de originalidade e estilo aos ambientes. 

Com eles, é possível abrir ou fechar as divisórias de forma prática e rápida, transformando espaços individuais em áreas integradas quando desejado. 

Além disso, é possível utilizar outros recursos para a integração de ambientes, como portas de correr, painéis articulados ou até mesmo a criação de ambientes abertos sem divisões físicas. 

A integração de ambientes proporciona sensação de amplitude, permite a circulação livre de luz e ar, além de promover a convivência entre as pessoas. 

Adoção do minimalismo

A adoção do minimalismo tem se tornado uma tendências cada vez mais popular na decoração e design de interiores. Esse estilo busca a simplicidade, o equilíbrio e a funcionalidade, eliminando o excesso e priorizando o essencial. 

Uma das características do minimalismo é a valorização das conexões tupy, ou seja, das junções e encaixes precisos e elegantes, especialmente em imóveis que seguem estilos próximos ao industrial. 

Essas conexões são trabalhadas de forma a integrar os elementos estruturais e decorativos de maneira harmoniosa, sem elementos supérfluos ou excessivamente ornamentados. 

Além disso, o minimalismo também se reflete na escolha de cores neutras, como branco, cinza e tons terrosos, e na utilização de poucos objetos decorativos, valorizando o espaço vazio e a sensação de ordem. 

Ao adotar o minimalismo em sua decoração, é possível criar ambientes tranquilos, funcionais e estéticamente agradáveis.

Lembre-se de selecionar cuidadosamente os materiais e investir na qualidade das conexões, para obter um resultado duradouro e atemporal.

Plantas e jardins

A presença de plantas e jardins, tanto internos quanto externos, tem se mostrado uma tendência forte na decoração e no paisagismo. 

Além de trazer beleza e frescor aos espaços, as plantas também proporcionam benefícios para a saúde e o bem-estar das pessoas. 

Ao planejar um jardim interno ou externo, é importante considerar a utilização de um muro de contenção de concreto para criar uma estrutura sólida e durável. 

Esse tipo de muro auxilia na delimitação do espaço do jardim e na contenção do solo, especialmente em áreas com declive ou encostas. 

Além disso, o muro pode ser projetado de forma a integrar-se harmoniosamente com a paisagem, criando um visual moderno e elegante. 

Ao escolher as plantas para o seu jardim, leve em consideração fatores como a disponibilidade de luz solar, a umidade e a manutenção necessária. 

Opte por espécies que se adaptem bem às condições do local e que contribuam para a estética desejada. No caso de jardins internos, é possível utilizar vasos e jardineiras para criar composições verticais e aproveitar ao máximo o espaço disponível. 

Já nos jardins externos, a escolha de árvores, arbustos e flores diversas pode criar um ambiente exuberante e acolhedor. Independentemente do tipo de jardim que você deseja criar, a presença de plantas trará vida, frescor e conexão com a natureza aos seus espaços.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, em parceria com o site Nasocial, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade